Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

demagogia de bolso

Convencido . Corrompido . Corrosivo .

demagogia de bolso

Convencido . Corrompido . Corrosivo .

Felicidade em estado puro

Chegou o dia gente!!!!!

Acorde-se todo o mundo!!!!!

 

Sou oficialmente o gajo mais feliz do mundo, e mais trengo também.

 

Domingo vou fazer 200 kms, só porque "Ela" pediu-me, para poder estar comigo. 3 anos à espera deste momento. 3 anos!!! Não se trata de expectativas, não se trata de desejos, não se trata de sonhos. Não espero nada sequer. Nada, além de a poder ver outra vez, 3 anos depois.

 

Devem estar a pensar: este gajo é doido varrido.

 

Sou completamente, mas não tenho problemas nenhum em dizer - como sempre disse e acreditei - que conheci o amor da minha vida com os meus 16 anos - foi em Dezembro e só fazia 17 em Maio do ano a seguir - aliás, tínhamos ambos 16 anos. Dezembro de 2008 quando falei com ela pela primeira vez. Já lá vão 7 anos, a fazer no próximo mês.


Podia pormenorizar a história toda, mas além de longa não é propriamente feliz, para nenhuma das partes.

 

 

Sempre fui e sempre serei apaixonado por ela - talvez seja esse o motivo de nenhum relacionamento ter funcionado comigo. E, parece que anda aí qualquer coisa no ar. Pelos vistos, por aqui não fui o único (ou única :p) a reencontrar um grande amor antigo - se bem que no meu caso é o único mesmo. E fico mesmo feliz por isso ter acontecido a essa pessoa, porque mesmo não a conhecendo pessoalmente, tenho a certeza absoluta que ela merece.

 

Agora,

 

Ninguém, mas ninguém mesmo, está mais feliz do que eu!

 

- "Podias vir ter comigo, gostava de te ver."

- "Queres que vá amanhã?"

- "Oh não sejas tonto."

- "Mas não sejo tonto só porque sim, ou porque não queres que vá?"

- "Oh eu gostava de te ver."

- "Domingo pode ser?"

- "Sim, pode. Eu queria.."

- "Domingo vou ter contigo então."

 

200 kms que nos separam, mas que bem que podiam ser 2000 kms!!!

 

Mas eu sabia! Mantive sempre aquela esperança, mesmo quando me diziam para esquecê-la, que não valia a pena. Mas ninguém a conhece como eu a conheço. E ela a mim. Sabia que este dia ia chegar!

 

E, finalmente, chegou.

14 comentários

Comentar post